Aprendendo com Deus, nosso Timoneiro.


Hiii peoples, hoje o texto será sobre uma de inúmeras experiências e ensinamentos que tenho obtido com Deus ♥


É que tem dias que o mar está revolto e as ondas batem com força em nosso pequeno barquinho, tem dias que nos perguntamos por onde estamos indo e em qual destino o caminho que estamos traçando nos levará. É que tem dias que o coração fica cansado e a fé acaba se cansando também, mas eu acho tão lindo o Jeitinho de Deus ao fazer com que minha fé aumente. Não é nada forçado, é como se Ele me colocasse em uma mesa e se sentasse ao meu lado, e de um jeito meigo e admirável vai me mostrando motivo por motivo que me fizeram chegar até onde cheguei, me mostra que mesmo quando eu errei e cai, foram os Seus Braços que me puseram de pé novamente. 



Acho tão lindo o cuidado que meu Amigo, Espírito Santo, tem, pois quando me vê afastando do Caminho, que é Cristo, logo me faz retornar.  Mas sem forçar nada, é algo sereno, Ele me faz perceber que estou saindo do trilho que me conduz ao Céu, e minha alma começa a ficar inquieta, é como se ela ficasse gritando pra mim que está com saudade do Pai e do melhor Abraço do mundo, é como se meu espírito dissesse que não pode ficar um dia sequer sem Tê-Lo, e minha carne? Ah, essa é a que mais gosta e a responsável por me fazer sair do trilho, mas é lindo o Jeito que Deus trata com ela, Ele a diz que eu não sou dominada por ela e que ela não tem domínio sobre mim, mas que Ele tem. Ele a diz que no Trono do meu coração o Assento é dEle, diz a ela que embora ela lute e relute contra o Espírito Santo (Gálatas 5.17) , ainda assim o Senhorio a Ele pertence.



Logo após dEle colocar a carne em seu devido lugar, Ele me ensina, me diz que é preciso equilíbrio, diz que preciso colocar minha dependência em Suas Mãos, e que sou totalmente dependente de Sua Graça e Misericórdia, diz que meu espírito deve dominar a alma, e que minha alma deve dominar a carne, mas que os três devem ser totalmente submissos ao comando do Timoneiro, ao comando do Rei dos reis. 



Ah, quão grata eu sou porque Deus nunca me abandonará, por mais falha e errante que eu seja, e Graças a Deus que Sua Graça me basta, e que um dia, vou passar a Eternidade com Ele. Porque sei que embora eu possa cair, falhar e errar, o Seu Sangue precioso vertido na Cruz, me purifica de todo pecado e me dá a Graça pra continuar, a Graça para recomeçar.

0 comentários:

Postar um comentário

My Instagram